As percepções de acadêmicos ingressantes na licenciatura em Educação Física sobre si mesmos e a profissão docente

Hugo Norberto Krug, Marilia de Rosso Krug, Cassiano Telles, Rodrigo de Rosso Krug

Resumo


O objetivo deste estudo foi analisar as percepções de acadêmicos ingressantes de um curso de licenciatura em Educação Física (EF) de uma universidade pública da região sul do Brasil sobre si mesmos e a profissão professor. Caracterizamos a pesquisa como qualitativa na forma de estudo de caso. O instrumento para a coleta de informações foi um questionário, tendo a interpretação das respostas por meio da análise de conteúdo. Participaram vinte acadêmicos ingressantes do referido curso. Concluímos que para a maioria dos acadêmicos ingressantes estudados a trajetória escolar na educação básica influenciou consideravelmente a escolha pelo curso de licenciatura em EF como profissão, predominando uma escolha inconsciente, pois, no mínimo não se informaram bem sobre ela, trazendo uma concepção da EF representada pelo esporte e que por isso possuem uma atratividade pela docência oscilante entre o sim e o não.


Palavras-chave


Educação Física; Formação de Professores; Formação Inicial; Profissão Professor.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/dialogo.v0i36.3409

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2238-9024

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000