Recrutamento e projeção política: o caso do PMDB na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul (1982-2010)

Marconi Severo

Resumo


Todo ator político utiliza-se de estratégias e projeções para maximizar seus ganhos, neste caso, vencer as eleições. Este trabalho analisa as projeções políticas utilizadas pelo PMDB gaúcho para manter-se em atividade no Poder Legislativo regional, com foco entre as legislaturas de 1982 a 2010.  O PMDB é um partido político que possui cinco décadas de existência, sendo que sua relação com a política brasileira está intrinsecamente relacionada com o próprio processo de redemocratização. Um dos primeiros achados aponta que a principal ambição dos parlamentares peemedebistas na Assembleia Legislativa gaúcha consiste na tentativa de reeleição, ou seja, a projeção estática. Ademais, observa-se a existência de outras projeções (regressiva e progressiva), de fidelidade partidária e, também, de um reflexo positivo em termos de electoral accountability entre os parlamentares peemedebistas. 


Palavras-chave


Legislativo Gaúcho; PMDB; Projeção Política.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/dialogo.v0i35.3595

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2238-9024

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000