DINÂMICA EVOLUTIVA DA LINHA DE COSTA NA PRAIA DE CANDEIAS – PE: PROCESSOS GERADORES DE SUSTENTABILIDADE

Karina Karla Alves Carvalho, Niédja Maria Galvão Araújo e Oliveira, João Allyson Ribeiro de Carvalho

Resumo


A preocupação em planejar sustentavelmente a ocupação e uso do solo costeiro é relativamente recente em Pernambuco e fundamentou-se em avaliações mundiais, que constataram ser esta uma zona intensamente vulnerável às intervenções antrópicas. A evolução da linha de costa representa um grave problema que afeta quase todo o litoral do estado de Pernambuco, o que vem tornando complexo prever sua proteção. O artigo tem como objetivo caracterizar a dinâmica e evolução da Praia de Candeias de modo a propor opções de mitigação aos focos de degradação ambiental na área. Apresentam-se as considerações sumárias às causas (ações) e aos efeitos (impactos) que sobre determinados fatores (físicos, bióticos, perceptuais e socioeconômicos) produziram-se na área costeira investigada, assim como sua identificação e evolução, utilizando as ideias de Gomez (1994) e Leopold (1994), com a metodologia Matriz de avaliação dos impactos modificada por Oliveira (1998). Conclui-se que o conjunto de ações propostas, se implementadas, pretende que o litoral do município de Jaboatão dos Guararapes, possa recuperar parte de sua primitiva natureza, considerando as análises de pesquisas obtidas.


Palavras-chave


Balanço Sedimentar; Erosão Costeira; Impactos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/rca.v11i2.2647

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1981-8858

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000

"Ciência é conhecimento organizado. Sabedoria é vida organizada." Immanuel Kant.