O moderno e o obsoleto na Arte Photographica

Francisca Ferreira Michelon

Resumo


A revista A Arte Photographica totalizou 23 números, publicados entre os anos de 1884 e 1885, na cidade do Porto, em Portugal. Como o título já indica, o tema era a fotografia e, sobretudo, a técnica fotográfica, fato comum às publicações da época, voltadas ao fotógrafo amador e profissional. Dizia-se uma revista para amadores e anunciava a fotografia como um evento moderno. A ideia do moderno foi compartilhada por muitas publicações periódicas do século XIX e início do XX. O presente texto analisa nessa revista que, apesar de ter tido curta duração, tornou-se uma referência para a fotografia portuguesa, como o enunciado de moderno constituiu-se firmado no avanço da técnica e, por consequência, no postulado da obsolescência. Relaciona a importância memorial da revista com essa função subliminar: afirmar a sociedade a qual se referia como moderna porquanto capaz de ser técnica. Por fim, observa o papel da fotografia no âmbito da mencionada ideia.

Palavras-chave


História da fotografia; Revista de fotografia; Século XIX

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/1153

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1981-7207

Universidade La Salle - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000