As narrativas visuais de Nan Goldin: Fotografia, Arte, Cinema

Gabriela Machado Ramos de Almeida

Resumo


Este artigo apresenta uma reflexão a respeito dos slideshows Ballad of Sexual Dependency e Heartbeat, da fotógrafa norte-americana Nan Goldin, a partir de dois aspectos principais: a fotografia entre a arte e o documento e o trabalho da artista como um híbrido entre fotografia e audiovisual. Para tanto, aborda questões conceituais relativas à afirmação da fotografia como arte e, em seguida, inicia uma discussão relacionada ao modo como o valor estético da obra de Goldin é devedor da narrativa e do dispositivo por meio do qual as imagens são apresentadas, que as aproxima da experiência de fruição do cinema.

Palavras-chave


Fotografia; cinema; arte contemporânea; dispositivo; Nan Goldin

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/1161

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1981-7207

Universidade La Salle - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000