ANÁLISE MICROBIOLÓGICA DE AMOSTRAS DE AMENDOIM PROVENIENTES DO MERCADO PÚBLICO DE PORTO ALEGRE/RS

Liziane Spinelli, Letícia Longoni, Anelise Beneduzi da Silveira

Resumo


O amendoim é uma leguminosa amplamente consumida apesar do grande risco de contaminação por fungos e bactérias. O objetivo deste estudo foi avaliar microbiologicamente a presença de coliformes totais, coliformes termotolerantes, bactérias mesófilas aeróbias, bolores e leveduras, em amostras de amendoim torrado vendidas no mercado público de Porto Alegre/RS, armazenadas de três formas diferentes. Os resultados indicaram ausência de fungos ou leveduras, mas bactérias mesófilas aeróbias foram encontradas em todos os tipos de armazenagem, sendo que, no dispensador gravitacional (1V), a contagem foi de 3,7 x 102UFC/g, seguida do recipiente comum (2-G) com 3,6 x 102UFC/g e, em menor quantidade, o industrializado (1I) com 2,7 x 102UFC/g. Coliformes totais foram encontrados nas mesmas amostras, 1V (2,4 x 102NMP/g), 2-G (1,3 x 102NMP/g) e 1I (1,1 x 101NMP/g). Foram isoladas dezoito bactérias, a maioria caracterizada como Gram-positiva e identificada a partir do sequenciamento do gene 16SrRNA. As bactérias patogênicas de importância em alimentos encontradas nas amostras de amendoim torrado analisadas foram Bacilluscereus, Pseudomonasaeruginosa e Staphylococcus sp., que podem ter vindo do não seguimento das boas práticas de manipulação e de falta de assepsia no armazenamento.


Palavras-chave


Amendoim; Bolores; Leveduras; Bactérias; Coliformes; Contaminação

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/rca.v12i2.4365

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1981-8858

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000

"Ciência é conhecimento organizado. Sabedoria é vida organizada." Immanuel Kant.