INVASÃO BIOLÓGICA NO PARQUE NACIONAL DO CATIMBAU, PERNAMBUCO, BRASIL

Francielly Oliveira da Silva, Juliano Ricardo Fabricante

Resumo


O processo de invasão biológica é considerado a segunda maior causa de perda da biodiversidade do planeta, perdendo apenas para atividades antrópicas, como o desmatamento. O presente trabalho teve como objetivo realizar um inventário das plantas não nativas do Parque Nacional do Catimbau, Pernambuco. O Parque Nacional do Catimbau localiza-se no Estado de Pernambuco e abrange uma área de 62.300 ha, dentro dos limites dos municípios de Tapanatinga, Ibimirim e Buíque. O inventário foi realizado por meio de busca ativa. As espécies foram categorizadas em exóticas, naturalizadas ou exóticas invasoras. Foram amostradas 18 espécies distribuídas em 16 gêneros e nove famílias. A família com maior número de representantes foi Poaceae. A invasão biológica no Parque Nacional do Catimbau é um problema evidente que requer atenção especial pois, essas espécies causam sérios danos a biodiversidade local, diminuindo a área de preservação das espécies nativas.


Palavras-chave


Invasão Biológica; Impactos Ambientais; Conservação da Natureza.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/rca.v13i2.5576

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1981-8858

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000

"Ciência é conhecimento organizado. Sabedoria é vida organizada." Immanuel Kant.