VULNERABILIDADE À POLUIÇÃO DA ÁGUA SUBTERRÂNEA NO NÚCLEO URBANO DO DISTRITO DE MONTE ALTO, ARRAIAL DO CABO, RJ

Lucas de Carvalho Silva, Rafael Alexandre Rizzo, Glaubert Lucas de Carvalho Cabral

Resumo


 A inadequada infraestrutura das cidades construídas em ambientes costeiras coloca em risco um recurso fundamental para o bem-estar humano e aos ecossistemas naturais, a água. Diante disso, a pesquisa teve como finalidade a aplicação do método GOD para determinar o índice de vulnerabilidade à poluição das águas subterrâneas do núcleo urbano de Monte Alto, região estuarina que vem crescendo em um ritmo acelerado e por consequência vem sofrendo com a insuficiência da infraestrutura urbana implantada, com ocupações desordenadas do solo e conflitos em áreas de proteção ambiental. Através do Método GOD foi possível constatar que 94,76% da área de estudo apresenta classe de vulnerabilidade alta, enquanto 5,26% apresenta classe vulnerabilidade mediana. A pesquisa também conta com uma avaliação da vulnerabilidade e a influência do meio físico na definição dos graus de risco de contaminação, na perspectiva da geração de subsídios para o planejamento municipal. O resultado permitiu estabelecer uma relação que certifica que o avanço da ocupação urbana sobre as áreas de proteção ambiental pode contribuir com o aumento do risco de contaminação da água subterrânea da região. De posse deste estudo os planejadores locais podem decidir sobre o desenvolvimento de políticas de proteção e monitoramento das águas subterrâneas nesta área.   

Palavras-chave


Método GOD; Água Subterrânea; Vulnerabilidade.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/rca.v15i2.7442

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1981-8858

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000

"Ciência é conhecimento organizado. Sabedoria é vida organizada." Immanuel Kant.