Análise das motivações e influências ambientais na realização de investimentos externos diretos de empresas alemãs no Brasil

Moema Pereira Nunes, Henrique Schaedler Kuntzler, Fernanda Kalil Steinbruch

Resumo


O movimento das multinacionais para a internacionalização foi percebido como um processo de avanço das estratégias empresariais de globalização e competição nos mercados. Tendo em vista a representatividade do Brasil como ambiente de atração de investimentos de empresas alemãs e sua participação no ambiente de negócios brasileiro, é relevante compreender de que forma o contexto local influencia o processo de internacionalização. Este artigo investiga as motivações das empresas alemãs para a realização de Investimento Externo Direto (IED) no Brasil e as influências do contexto local neste processo de internacionalização. Através de uma pesquisa qualitativa exploratória, o processo de internacionalização de cinco multinacionais alemãs foi investigado. Verificou-se que a convergência de interesses dos países tem motivado e influenciado a realização de IEDs. O governo alemão forneceu incentivos para a internacionalização de empresas, ao passo que o mercado brasileiro apresentava potencial de crescimento e atraentes características sociais, culturais e tecnológicas para o investimento. Este processo sofre mais influências de fatores associados ao ambiente germânico, ou mesmo global, do que do ambiente brasileiro, muito embora as motivações para o início do IED sejam influenciadas em grande parte pelas características do mercado brasileiro.


Palavras-chave


Internacionalização; Investimento Externo Direto; Alemanha.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/desenv.v6i1.3142

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2316-5537

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000