RELAÇÕES ENTRE ANSIEDADE E APTIDÃO FÍSICA FRENTE AO RENDIMENTO ESCOLAR

Francisco Elves Almeida Vieira, Nilson Vieira Pinto

Resumo


A ansiedade deve ser analisada como um traço da personalidade do indivíduo em resposta a uma situação de estresse. No âmbito escolar, pode apresentar-se em momentos avaliativos quando, dependendo do nível de ansiedade, poderá repercutir no rendimento acadêmico. Este trabalho visa analisar as relações entre a ansiedade e a aptidão física frente ao rendimento escolar, por meio de análise de parâmetros físicos e psicofisiológicos. Trata-se de um estudo realizado com 51 alunos do Ensino Médio do Instituto Federal do Ceará. Os resultados apontaram um nível de aptidão física ativa nessa amostra, independente do gênero. O estado de ansiedade foi categorizado como calmo, com concentração elevada, muito embora tenham sido descritas sensações como nervosismo moderado, inquietações e dores de cabeça. Os parâmetros fisiológicos não apresentaram relação direta com os níveis de aptidão física e com o rendimento escolar.

Palavras-chave


Atividade Física; Ansiedade; Ensino Médio.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/cippus.v5i1.2328

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2238-9032

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000