Construindo informações históricas sobre a formação de professores: as Escolas Normais La Salle de Canoas e de Cerro Largo

Miguel Alfredo Orth

Resumo


Esse artigo é resultado de pesquisa que se situa no campo da história da educação e tem como objetivo, investigar o processo histórico de constituição dos cursos de formação de professores na Rede La Salle, particularizando a Escola Normal Rural La Salle de Cerro Largo e a Escola Normal de Canoas, ambas criadas em 1941, no Rio Grande do Sul. Metodologicamente, dialoga com diversas fontes, incluindo testemunhos orais. Teoricamente, aborda o tema a partir da história cultural. A criação dos citados cursos de formação de professores atendeu expectativas da Igreja Católica, dos Irmãos Lassalistas, das comunidades onde as escolas se achavam inseridas e se constituíram como facilitadoras do acesso de muitos de seus alunos a cursos superiores e a bem sucedidas carreiras profissionais. Isso auxiliou a reforçar elementos de positividade das representações construídas sobre as escolas e a educação lassalistas.

 


Palavras-chave


História da educação; Escolas normais; Formação de professores; Irmãos Lassalistas; Memória

Texto completo:

EM PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/163

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1981-7207

Universidade La Salle - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000