Identidades na fronteira: e/imigrantes sul-brasileiros no Paraguai

Vanucia Gnoatto

Resumo


O presente artigo trabalha a e/imigração de famílias sul-brasileiras no departamento de Alto Paraná, Paraguai, nas décadas de 1970 e 1980, com o objetivo de analisar a construção da identidade desses emigrantes no exterior. Partindo da revisão historiográfica do tema, busca-se identificar quais elementos de composição de sua identidade étnica e regional foram mantidos, quais traços foram assimilados, dando origem a uma identidade híbrida e quais as tensões presentes nesse processo. Parte-se do pressuposto de que é uma zona fronteiriça e, consequentemente, com identidades fluídas ou porosas. Mesmo nesse contexto, os imigrantes brasileiros diferenciavam-se em relação ao outro por meio da língua e de sua cultura original. Como fontes de estudo, recorreu-se à revisão historiográfica às fontes orais.


Palavras-chave


Identidade; Fronteira; Emigração; Imigração.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/mouseion.v0i32.5594

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 1981-7207

Universidade La Salle - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000