Consumo de álcool e tabaco: fator de risco para doença cardiovascular em população idosa do sul do Brasil

Eveline Fronza Silva, Gabriela Laste, Ronaldo Lopes Torres, Maria Paz L Hidalgo, Roberta Stroher, Iraci Lucena da Silva Torres

Resumo


Objetivo: este estudo transversal avaliou a associação entre consumo de tabaco e/ou de álcool e a ocorrência de doenças do sistema cardiovascular em população do sul do Brasil. Métodos e Indivíduos: a população em estudo foi constituída de 229 idosos (56,3% de mulheres e 43,7% de homens) com mais de 60 anos moradores da cidade de Cachoeira do Sul/RS. Utilizou-se questionário estruturado, contendo questões relativas aos dados pessoais (idade, sexo, grau de escolaridade), uso de álcool e tabaco e relato de doenças do sistema cardiovascular. Resultados: a prevalência estimada para uso de tabaco foi 38,4% (66% dos homens e 17% das mulheres). 24,5% são ex-tabagistas; gênero e grau de escolaridade mostraram associação com uso de tabaco. 37,5% dos tabagistas relataram uso de álcool. Ao analisarmos o relato de doenças cardíacas e consumo de tabaco, evidenciou-se associação significativa tanto na análise univariada quanto na multivariada. A regressão logística mostrou associação entre hipertensão e tabagismo. A prevalência estimada para uso de álcool foi de 35,4% (12,4% das mulheres e 65% dos homens). Cerca de 50% dos indivíduos hipertensos consomem álcool e observamos associação significativa entre idade e álcool. 19.2% relataram uso de álcool e tabaco. Conclusão: consumo de álcool e/ou tabaco traz inúmeras conseqüências negativas para a saúde, destacando-se aumento da prevalência de doenças cardiovasculares.


Palavras-chave


Tabaco; Álcool; Idoso; doenças cardiovasculares

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/sdh.v5i1.2339

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


e-ISSN: 2317-8582

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000