O Movimento da Tecnologia Social: uma Revisão Sistemática de seus Elementos Estruturantes entre 2007 e 2017

Daniel Teotonio Nascimento, Erlaine Binotto, Elcio Gustavo Benini

Resumo


A Tecnologia Social (TS) é um movimento em construção, que orienta o desenvolvimento de produtos, processos, técnicas ou metodologias, a partir da necessidade dos usuários, visando à inclusão social. Assim, este artigo teve como objetivo investigar as características dos Elementos Estruturantes da TS, por meio de uma Revisão Sistemática (RS) da produção científica dos últimos 10 anos. Foram analisados 24 artigos, da Science Direct e do Portal Periódicos CAPES. Os principais resultados evidenciaram que: (a) atores de diferentes áreas do conhecimento participam do movimento da TS; (b) a perspectiva teórica mais vinculada nas pesquisas foi a Abordagem Sociotécnica; (c) o princípio da “Aprendizagem e Participação como Processo” foi o atributo mais destacável; (d) a TS possibilita a inclusão social e contribui para o desenvolvimento local; (e) os limites da TS são devidos a falta de políticas públicas, dificuldades de gestão e financeira, e limitações teóricas; (f) há uma estreita relação entre a TS e a Economia Solidária, fato que não ocorre em relação à Inovação Social e à Responsabilidade Social Corporativa. Com esta pesquisa, pode-se constatar que o movimento da TS é multidisciplinar, tendo como orientação a emancipação e inclusão social por meio da crítica e reconstrução das tecnologias convencionais.


Palavras-chave


Inclusão Social; Economia Solidária; Desenvolvimento Local.

Texto completo:

PDF

Referências


.




DOI: http://dx.doi.org/10.18316/desenv.v8i3.4784

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2316-5537

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000