Estados na encruzilhada: políticas de inovação e seus dilemas de coordenação

Pedro Salomon Bezerra Mouallem

Resumo


Discursos e políticas de inovação ganharam importância nas estratégias de desenvolvimento de muitos países no mundo nas últimas décadas. Nesse movimento, foram formulados novos papéis do Estado na promoção da inovação, em vista de experiências bem-sucedidas no campo. Entre os quais figura a necessidade de coordenação. Nesse trabalho são reunidas e articuladas pesquisas apresentando como coordenação intraestatal evoluiu como uma variável central às políticas de inovação, e discutindo questões de organização estatal emergentes dessa agenda. Para explorá-las, coloca-se uma lupa sobre suas abordagens e diagnósticos. Autores concluem que a atividade de coordenação neste campo enfrenta uma persistente dinâmica de path dependence, que será discutida a partir de algumas experiências internacionais. Ao iluminar argumentos e ferramentas analíticas dessa literatura almeja-se contribuir para essa agenda de pesquisa ainda pouco explorada no país.

Palavras-chave


Estado; Instituições; Política de Inovação; Coordenação Intraestatal.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/redes.v7i2.3820

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista REDES - ISSN 2318-8081

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Canoas/RS Cep: 92.010-000.

Prédio 6.


Indexadores/Catálogo


DiadorimLatindexDialnet
BASE