Entre trilhas de saúvas, a emergência do sujeito: O grupo psicoterapêutico no contexto escolar

João Elias Cury Júnior

Resumo


O discurso médico tem permeado a escola quanto a propor a medicação para solucionar impasses de conduta apresentados por estudantes, além das conhecidas estratégias disciplinadoras que visam à modelagem de comportamentos. O artigo reflete sobre este contexto ao apresentar uma experiência conduzida em escola pública, com crianças da 5ª série, sob a modalidade de grupo psicoterapêutico, tendo a psicanálise de Freud-Lacan orientado seu percurso. Um dos efeitos do dispositivo foi o reposicionamento de alguns dos seus membros frente a seus impasses no contexto escolar.


Palavras-chave


Educação; Psicanálise; Grupo Psicoterapêutico; Saúde Coletiva

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/2115

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2238-9024

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000

 

Indexadores

DiadorimLatindex