Redistribuição e reconhecimento a partir de Hegel: um diálogo sobre justiça entre Axel Honneth e Nancy Fraser.

Camila Palhares Barbosa

Resumo


O objetivo deste trabalho é o de fazer uma leitura da ideia de reconhecimento em Hegel enquanto uma teoria da justiça. Farei esta análise a partir do diálogo entre Nancy Fraser e Axel Honneth, a fim de construir uma interpretação materialista da dialética hegeliana, que não seja apenas fundamentada na ideia de reconhecimento como Honneth sugere, mas também incorporando as críticas de Fraser para fundamentar a redistribuição como base de uma teoria da justiça contemporânea. 


Palavras-chave


Justiça; Reconhecimento; Redistribuição.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/dialogo.v0i41.5081

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2238-9024

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000

 

Indexadores

DiadorimLatindex