Marvels: subjetividades entre o leitor de quadrinhos e aspectos socioculturais contemporâneos

André Roberto Custódio Neves

Resumo


O artigo aborda subjetividades contidas na graphic novel Marvels, de Busiek e Ross, utilizando-se desta para abordagem de questões multiculturais relevantes e metáforas sociais. Assim, tenta analisar a capacidade que os quadrinhos possuem de informar e provocar sentimentos nos indivíduos, em relação ao mundo real por meio da produção, reprodução e circulação de sentidos. Foram realizadas revisões bibliográficas, referenciais teóricos e a própria graphic novel foi utilizada como base para estudos.


Palavras-chave


Sujeito; Leitura; Subjetividade; Quadrinhos; Cotidiano; Marvel.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/dialogo.v0i44.5844

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2238-9024

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000

 

Indexadores

DiadorimLatindex