Fatores críticos de sucesso na gestão de contratos a luz da gestão do conhecimento: um estudo de caso IFSC/Brasil

Rafael Pereira Ocampo Moré, Fábio José Wojcikiewicz Caldas, Alexandre Marino Costa, Marlise Thaere Dias, Maico Oliveira Buss

Resumo


O objetivo do artigo é analisar os fatores críticos de sucesso no tocante à gestão de contratos de Institutos Federais de Educação brasileiros, de modo a fornecer subsídios para melhorar os processos existentes no contexto do IFSC. A gestão do conhecimento, gestão de processos e contratos administrativos representam os fundamentos para as análises apresentadas. Por meio de um estudo de caso, com a técnica de observação, foram coletados dados primários do Departamento de Contratos do IFSC no âmbito de agentes internos, internos de outros setores e externos ao IFSC. Os resultados, revelaram os seguintes fatores críticos: demora na realização de pareceres; demora no encaminhamento de demandas; e problemas com estrutura tecnológica e uso de sistema de informação. A partir destes gargalos é proposto um repositório de informações, FAQ (Frequently Asked Questions), que possa auxiliar os gestores à tomada de decisão e na redução do tempo de formalização de contratos e convênios institucionais.


Palavras-chave


Gestão do Conhecimento; Contratos Públicos; Gestão de Processos.

Texto completo:

PDF

Referências


ALARCON, D. F. Diretrizes para práticas de gestão do conhecimento na educação a distância. Tese de Doutorado, 2015. Disponível em: Acesso em: 08 de nov. 2017.

ALMEIDA, A. V. de. Da Escola de Aprendizes ao Instituto Federal de Santa Catarina. reed. rev. e atual. Florianópolis: Publicações do IF-SC, 2010.

ALMEIDA, R.C.; ALMEIDA, M. F.; MEDEIROS, K. F. Análise do processo produtivo e a identificação de gargalos na produção do caulim. XXIX Encontro Nacional de Engenharia de Produção. A Engenharia de Produção e o Desenvolvimento Sustentável: Integrando Tecnologia e Gestão. Salvador, BA, Brasil, 06 a 09 de outubro de 2009. Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017.

APO. Productivity Databook. Tokio: Asian Productivity Organization, 2009. Disponível em: Acessado em: 08 de nov. 2017.

BATISTA, F. F. et al. Gestão do conhecimento na administração pública. Brasília: Ipea, jun., 2005. (Texto para Discussão, n. 1.095). Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017.

BPM CBOK. Guia para o Gerenciamento de Processos de Negócio – Corpo Comum de Conhecimento. Abpmp Cbok V3.0, 2014. Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017.

BRASIL. Lei nº. 8.666, de 21 de junho de 1993. Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações e contratos da Administração Pública e dá outras providências, 1993. Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017.

FALCÃO JÚNIOR, M. A. G.; SANTOS, R. N. M. dos. A gestão de processos na análise das atividades de seleções públicas simplificadas: estudo de caso em uma prefeitura. Revista Navus, v. 6, n. 2, p. 06 – 19, 2016. Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017.

GIVIANI, T. A. de L.; ARGOUD, A. R. T. T. Gerenciamento de processos de negócio em biblioteca pública. Rev. Digit. Bibliotecon. Cienc. Inf. Campinas, SP, v. 13, n. 3, p. 526-545, set./dez., 2015. Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

GONZALEZ, R. V. D.; MARTINS, M. F. Gestão do conhecimento: uma análise baseada em fatores contextuais da organização, 2013. Disponível em:< http://www.scielo.br/pdf/prod/2015nahead/0103-6513-prod-0103_6513_145313.pdf>. Acesso em: 08 de nov. 2017.

JORGE, C. F. B.; FALÉCO, L. L. A aplicação da gestão do conhecimento como estratégia de competitividade organizacional. Brazilian Journal of Information Science: Research Trends, Marilia v. 10, n. 3, 2016. Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017

MONTEVECHI, J. A. B.; PEREIRA, T. F.; MIRANDA, R. de C. Gestão do conhecimento em projetos de simulação: um estudo bibliométrico. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 20, n. 1, p. 138-155, jan./mar., 2015. Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017

OLIVEIRA, R. R.; LIMA, J. B. de. Reflexão sobre a relação entre a mudança de cultura organizacional e a gestão do conhecimento. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, João Pessoa, v. 6, n. 1, p. 19-35, jan./jun., 2016. Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017

PAIVA, E. H. B. Modelo de boas práticas de gestão do conhecimento. Dissertação de Mestrado: UFPE, 2011. Disponível em . Acesso em: 08 de nov. 2017.

PEREIRA, N. S. P.; PEREIRA, C. A.; SILVA, T. M. C. F. da; FILHO, J. M. P.; MONTEIRO, R. P.; BORGES, E. J. Mapeamento conceitual da inter-relação entre gestão do conhecimento, capital intelectual e métricas de qualidade nas universidades. Revista Gual, Florianópolis, v. 8, n. 4, p. 259-280, Edição Especial, 2015. Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017.

PROBST, G.; RAUB, S.; ROMHARDT, K. Gestão do conhecimento: os elementos construtivos do sucesso. Porto Alegre: Bookman, 2002.

SANTOS, P. M.; ROVER, A. J. Processos de gestão do conhecimento fomentados pelos portais de governo. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, João Pessoa, v. 6, n. 2, p. 48-79, jul./dez, 2016. Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017.

SILVA, L. C.; DAMIAN, I. P. M.; SEGUNDO, J. E. S. Melhores práticas para aplicação de projetos de Gestão do Conhecimento: instituindo ambientes colaborativos. Biblos: Revista do Instituto de Ciências Humanas e da Informação, v. 30, n.1, 2016. Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017.

TOLFO, C.; FLORA, F. D. A gestão de processos de negócio como ferramenta de apoio na gestão da segurança da informação. Revista Geintec, v. 6, n. 1, p.2756-2770, 2016. Disponível em: . Acesso em: 08 de nov. 2017.

VALLE, R.; OLIVEIRA, S. B. Análise e Modelagem de Processos de Negócio: Foco na Notação Bpmn. São Paulo: Atlas, 2009.

VERGARA, S. C. Projetos e Relatórios de Pesquisa em Administração. 14. ed. – São Paulo: Atlas, 2013.

WIIG, K. M. Knowledge management in public administration. Journal of Knowledge Management, v. 6 n. 3, p. 224-39, 2002. . Acesso em: 14 nov. 2018.

YIN, R. K. Estudo de caso – planejamento e métodos. (2Ed.). Porto Alegre: Bookman, 2001.




DOI: http://dx.doi.org/10.18316/desenv.v8i2.4986

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2316-5537

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000