Entre o discurso e a prisão: elementos para uma análise do trabalho prisional no Brasil contemporâneo

Lucas Vianna Matos

Resumo


O artigo apresenta uma análise sobre o trabalho prisional no Brasil contemporâneo, destacando as suas ambivalências no sistema penal neoliberal. A discussão é ilustrada a partir da situação do trabalho prisional na Penitenciária Lemos de Brito, maior estabelecimento prisional do estado da Bahia. A partir das informações colhidas na PLB através de observação não-estruturada, entrevistas com funcionário do presídio e análise documental, o artigo dialoga com uma série de pesquisas de cotidiano prisional, buscando construir um retrato – inicial e provisório – da situação do trabalho prisional no Brasil.


Palavras-chave


Criminologia Crítica; Neoliberalismo; Trabalho Prisional.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/2318-8081.16.15

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista REDES - ISSN 2318-8081

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Canoas/RS Cep: 92.010-000.

Prédio 6.


Indexadores


DiadorimDOAJLatindexDialnet
Google Academicos
CiteFactorOCLCCrossrefPeriódicos
BASESumários