Vulnerabilidades na Saúde Mental de Universitários em Período de Estágio Clínico

Meire Luci da Silva, Marcela Doescher Dias, Kelli Cristina Corrêa, Regina de Cássia Rondina, Elton Farias Bastos, Cátia Candida de Almeida

Resumo


Introdução: O período dos estágios dos cursos universitários da área de saúde é repleto de desafios, permeado por sentimentos ambivalentes, que se mal elaborados podem culminar em adoecimento físico e/ou mental. Objetivo: Investigar o nível de sintomatologia de ansiedade, depressão e estresse em universitários - estagiários da área de saúde. Metodologia: Pesquisa descritiva e de caráter quantitativo. Amostra composta por estagiários de três cursos da área da saúde. Realizado em universidade pública localizada no interior paulista. Foram utilizados dois instrumentos: Questionário sociodemográfico e o Depression, Anxiety and Stress Scale (DASS-21). Análise dos dados seguindo protocolo estabelecido pelo instrumento, cálculos de estatística descritiva e de associação. Resultados: Participaram 114 estagiários, com média de idade de 22 anos, sendo maioria do gênero feminino, solteiros, com religião, sedentários e praticavam atividades de lazer. Do total, 57,0% apresentaram sintomatologia de depressão, 60,5% ansiedade e 65,8% estresse, com níveis moderado e severo, portanto consideradas patológicas. Encontrada associação entre sexo feminino e sintomas de ansiedade, sintomas depressivos e falta de atividades físicas e de lazer. Conclusão: Necessidade de desenvolvimento de ações preventivas e promoção da saúde mental no contexto universitário, estímulo ao desenvolvimento de fatores protetivos e estratégias de enfrentamento do estresse.


Palavras-chave


Depressão; Ansiedade; Estresse; Transtornos Mentais; Estudantes de Ciências da Saúde;

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/sdh.v8i3.6727

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


e-ISSN: 2317-8582

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000