A influência dos patriarcalismo, personalismo e do “jeitinho” na gestão dos empreendimentos econômicos solidários

Luis André Aragão Frota, Anne Graça de Sousa Andrade

Resumo


Este trabalho tem o objetivo de analisar os impactos do personalismo, do patriarcalismo e do “jeitinho” nos problemas de gestão dos empreendimentos da economia solidária. Para tanto, foram consultados livros, periódicos nacionais e internacionais e algumas das principais revistas de gestão brasileira para identificação dos problemas e dos conceitos aqui expostos. A análise se deu a partir da relação dos constructos estudados com os problemas observados nos empreendimentos econômicos solidários e o impacto destes nestas organizações. Ao final, percebemos uma forte influência, principalmente do patriarcalismo, nesses empreendimentos, e que os impactos causados por essas características podem estar dificultando os empreendimentos a alcançarem seus objetivos.

Palavras-chave


Economia Solidária; Cultura Organizacional; Cultura Brasileira

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/1903

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2238-9024

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000

 

Indexadores

DiadorimLatindex