Gênero e trabalho: Reflexão necessária na incubação em economia solidária

Ivan Penteado Dourado, Carina Fachinetto, Anna Maria Malaquias de Quadros, Anderson Moreira dos Santos

Resumo


O presente artigo tem por finalidade apresentar e discutir a relação de gênero e trabalho. Abordaremos essa temática dentro de uma perspectiva cultural da realidade do município de Passo Fundo. A pesquisa se deu através do grupo de alunos de Serviço Social participantes do projeto de extensão “Inserção Produtiva e Trabalho Decente: Assessoria em economia solidária no município de Passo Fundo/RS”, juntamente com o coordenador do projeto e professor de sociologia, Ivan Dourado, sendo todos estes vinculados à Universidade Comunitária de Passo Fundo (UPF).  Neste artigo, pretendemos apresentar o histórico do projeto e, posteriormente, traremos um recorte analítico que nos permitirá discutir mais profundamente a questão de gênero e atividades laborais. Para tanto, buscaremos expor formas de inserção das mulheres no trabalho cooperativo e as possibilidades de reprodução/superação dos trabalhos socialmente reconhecidos como ‘de mulher’ na Economia Solidária. O projeto, nos anos de 2013 e 2014, realizou um mapeamento da realidade das cooperativas de Economia Solidária do município de Passo Fundo. Deste, retiramos alguns dados para pensar o papel da mulher nos espaços de trabalho, tendo como ponto de vista cultural as ideias de Roberto DaMatta (1985). Com isso, temos a intenção de responder à seguinte questão: como a produção ou reprodução do gênero feminino ocorre nas atividades laborais realizadas no interior do espaço cooperativo solidário?


Palavras-chave


Economia Solidária; Cooperativismo; Gênero; Trabalho.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/2238-9024.16.34

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2238-9024

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000

 

Indexadores

DiadorimLatindex