Stan Lee e Homem-Aranha: compreendendo as teias de significado entre autor e criação, a luz dos estudos culturais

Rubem Borges Teixeira Ramos

Resumo


O presente artigo evoca algumas das experiências de vida de Stan Lee com fatos e acontecimentos retratados na narrativa dos quadrinhos do Homem-Aranha. Pretende-se demonstrar como os quadrinhos expressam a relevância das vivências do autor junto a construção da narrativa. As situações e dilemas enfrentados por ambos – Stan Lee e Homem-Aranha – podem também ser encaradas como alegorias ou metáforas pertinentes a vida dos leitores dessas histórias em quadrinhos.


Palavras-chave


Histórias em Quadrinhos; Stan Lee; Homem-Aranha; Interpretação das culturas.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/dialogo.v0i42.5882

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2238-9024

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000

 

Indexadores

DiadorimLatindex