“Let me sing my rock and roll”: notas sobre direito, rock e sociedade

Amanda Muniz, Horácio Wanderlei Rodrigues

Resumo


O trabalho pretende investigar as possibilidades de estudos entre direito e a “cultura de massas”, cujo expoente escolhido foi o rock. Compreendendo a cultura como um campo de significações simbólicas, entendemos ser possível travar um diálogo fértil entre as duas temáticas (direito e “cultura de massas”). Entendendo a relação do rock com a sociedade na qual se insere, procuramos salientar a possibilidade de nele identificar críticas e anseios sociais, bem como visões do Direito. Trata-se de um estudo que pretende lançar ao debate as relações entre cultura popular e sociedade, e de que forma essas relações poderiam ser utilizadas pelo Direito.


Palavras-chave


Cultura de Massas; Direito; Rock.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/redes.v6i1.3408

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista REDES - ISSN 2318-8081

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Canoas/RS Cep: 92.010-000.

Prédio 6.


Indexadores


DiadorimDOAJLatindexDialnet
Google Academicos
CiteFactorOCLCCrossrefPeriódicos
BASESumários