O triênio 2010-2012 e a nova avaliação de periódicos da Capes

Rafael Fernandes de Mesquita, Ana Karine Lima de Medeiros, Augusto Marcos Carvalho de Sena, Mirele Cavalcante da Silva, Vládia Maria Pereira Gomes

Resumo


Estudar os avanços na produção científica brasileira e as consequentes implicações para a comunidade acadêmica, principalmente no que diz respeito aos aspectos relativos às avaliações dos Programas de Pós-Graduação em Administração – PPGAs, realizadas trienalmente pela CAPES, as quais classificam e pontuam as publicações de periódicos científicos dos docentes permanentes dos programas, pode auxiliar a formação e o desenvolvimento de novos pesquisadores assim como consolidar grupos ou indivíduos já experimentados em pesquisa. Nesse sentido, o objetivo do trabalho ora apresentado é investigar se a nova classificação dos periódicos acadêmicos no sistema Qualis-CAPES, tendo como referência a classificação anterior, beneficiou ou não os centros de difusão de pesquisa em administração, localizados nos estados do sudeste, quando comparados aos programas do nordeste. A abordagem metodológica usada é descritiva e quantitativa e a coleta de dados ocorreu nos meses de abril e maio de 2013. Como principais resultados, considerando as duas classificações, evidencia-se que não houve queda na pontuação dos docentes de PPGAs nordestinos, nem variações significativas na avaliação quantitativa da pontuação dos docentes de PPGAs localizados no sudeste brasileiro.


Palavras-chave


Avaliação; Capes; Pós-Graduação

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/1298

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

ISSN: 2236-6377

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000