Proposição de um instrumento quali-quantitativo para avaliação da competência intercultural

Lisiane Machado, Wagner dos Santos Chagas

Resumo


Considerando os processos de migrações, expatriações, mobilidade global de pessoas, intercâmbios acadêmicos e profissionais, mão de obra qualificada entre países, dentre outros, o desenvolvimento da competência intercultural é um dos desafios contemporâneos que se configuram em novas formas de vivência e de identificação de si e dos outros no campo do trabalho. O presente artigo tem como objetivo apresentar a proposição de um instrumento quali-quantitativo para avaliação da competência intercultural, que pode ser empregada como um instrumento diagnóstico (por exemplo, aplicado antes do início de atividades de formação dessa competência – para avaliar o seu estágio inicial) e também para acompanhamento e avaliação do nível de desenvolvimento da competência intercultural de forma contínua, ou após uma atividade de capacitação. O instrumento foi desenvolvido, inicialmente, com base em uma revisão de literatura sobre a temática de competência intercultural, a partir dos seus atributos; sendo aplicado no contexto de uma pesquisa no formato de um intercâmbio intercultural virtual no mundo virtual Second Life® entre alunos brasileiros e portugueses.

Palavras-chave


Competência intercultural; desenvolvimento; competências; instrumento; avaliação

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/dialogo.v0i50.10208

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2238-9024

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000

 

Indexadores

DiadorimLatindex