Modelagem Matemática na Educação Matemática: uma engrenagem da maquinaria curricular

Ademir Donizeti Caldeira, Maria Carolina Machado Magnus, Betina Cambi

Resumo


O presente artigo tem por objetivo problematizar alguns enunciados que foram colocados em circulação nos anais da IX Conferência Nacional sobre Modelagem na Educação Matemática. Para o empreendimento da análise, utilizamos ferramentas metodológicas advindas da oficina do Michel Foucault. Os enunciados decorrentes das regularidades encontrados a partir das enunciações foram: as atividades de Modelagem despertam o interesse dos alunos e os motivam pela aprendizagem dos conteúdos matemáticos; as atividades de Modelagem tornam os alunos mais ativos e corresponsáveis pela aprendizagem; as atividades de Modelagem dão visibilidade aos conteúdos matemáticos. A problematização destes nos mostrou que as atividades de Modelagem privilegiam o ensino dos conteúdos matemáticos, tornando-se uma engrenagem da maquinaria curricular.


Palavras-chave


Modelagem Matemática na Educação Matemática; Enunciado; Discurso; Currículo.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/recc.v23i1.4125

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

ISSN: 2236-6377

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000