Formação inicial de professores: uma perspectiva integradora dos conteúdos disciplinares e educação para a saúde

Eva Teresinha de Oliveira Boff, Bruna Denise Torquetti, Cristiane Tarine Müller Girotto

Resumo


Discute-se neste artigo uma proposta de reorganização curricular, denominada Situação de Estudo (SE), com foco na formação docente e na educação para saúde. O objetivo do estudo foi investigar que aprendizagens foram produzidas, por docentes em formação inicial, no decorrer do desenvolvimento da SE “Alimentos: Produção e Consumo” e como eles/elas significam os conceitos de ciências da natureza na perspectiva da Educação para a Saúde. A SE foi desenvolvida nas aulas de Estágio em Ensino de Ciências: Ensino Fundamental I (Curso de Ciências Biológicas), e os dados empíricos foram produzidos a partir de discussões das aulas e análise de 14 produções textuais, retiradas de diários de bordo dos/as licenciandos/as. Os resultados apontam que ainda existem alguns equívocos conceituais nas escritas em diário de bordo, mas a reflexão sobre seus registros possibilitou a construção de aprendizagens importantes tanto para formação docente quanto para integração dos conteúdos de ciências e educação para a Saúde. Os/as licenciados/as demonstraram, de forma geral, interesse por novos modos de ensinar e aprender e produziram significados mais complexos sobre a alimentação humana pelo entendimento de conceitos químicos, físicos e biológicos articulados com a temática em estudo. Verificou-se que a formação inicial de professores nesta perspectiva contribuiu para constituição de docentes mais críticos e sensíveis aos problemas cotidianos de seus alunos.


Palavras-chave


Formação de Professores; Alimentação; Nutrição; Educação para a Saúde.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/recc.v23i3.4564

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

ISSN: 2236-6377

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000