Articulando as questões de gêneros e sexualidades vivenciadas numa sala de aula de ciências com conceito de educação menor

Paula Regina Ribeiro, Natália Oliveira, Suzana da Conceição de Barros

Resumo


O artigo tem como objetivo discutir as experiências narrativas de uma professora de Ciências, uma mestranda-pesquisadora, e alunos/as que participaram de um projeto que objetivava debater as questões de gêneros e de sexualidades no espaço escolar. Tais experiências foram apresentadas em quatro cenas narrativas. As experiências narradas estão relacionadas às três características de educação menor destacadas pelo autor Silvio Gallo, a saber: desterritorialização, ramificação política e valor coletivo. É importante destacar que as discussões realizadas na escola possibilitaram que as temáticas de gêneros e sexualidades adentrassem o currículo escolar e articulassem os conteúdos da disciplina de Ciências a essas temáticas, além de possibilitarem que os seus envolvidos pudessem (re)pensar sobre tais questões. Entendemos que práticas pedagógicas que adotem os pressupostos da educação menor contribuem para a valorização de multiplicidades de gêneros e sexualidades. O estudo se apresenta como uma possibilidade de pensarmos uma experiencia narrativa, em uma sala de aula de Ciências, de refletirmos sobre as resistências possíveis, de pensarmos nas relações que se estabeleceram entre a professora, mestranda-pesquisadora, e os/as alunos/as de refletirem acerca da educação menor, provocativa e singular, que valorize o convívio social e o pluralismo, promovendo ações que visam à promoção de uma educação de gêneros e sexualidades a qual combata o sexismo, o racismo, a misoginia, a homo, trans e lesbofobia, entre outras manifestações de preconceito e de discriminação.


Palavras-chave


Educação Menor; Gêneros; Sexualidades.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/recc.v24i3.5696

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

ISSN: 2236-6377

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000