Estratégias de leitura recorridas por professoras iniciantes na educação infantil

Klinger Teodoro Ciríaco, Fernanda Alves Barreto, Thiago Moessa Alves, Renata Junqueira de Souza

Resumo


Trabalhar estratégias de leitura desde a pequena infância torna-se um dos pressupostos teóricos que direcionaram o trabalho de pesquisa relatado neste artigo. Para este fim, tivemos como base de estudo uma investigação qualitativa, de caráter descritivo-analítico, em que duas professoras em início de carreira na Educação Infantil foram fonte direta de coleta de dados. Objetivamos compreender quais são as estratégias de leitura adotadas por professoras de bebês e de crianças pequeninas (0 a 3 anos), bem como as dificuldades presentes na estruturação deste tipo de prática pedagógica. O referencial teórico adotado possibilitou agrupar a compreensão das principais dificuldades do professor iniciante e da importância de promover a linguagem oral e escrita na infância. Em termos metodológicos, a fonte de recolha das informações, tanto nas observações quanto nas entrevistas concedidas, auxiliou na efetivação dos objetivos propostos inicialmente. A conclusão permite inferir que é possível um trabalho com estratégias de leitura quando a professora envolve as crianças no contexto da narrativa, ao articular seus conhecimentos prévios, por meio de inferências e da sumarização das histórias que elege como fonte de acesso à leitura da literatura infantil.


Palavras-chave


Professor Iniciante; Estratégias de Leitura; Educação Infantil.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/recc.v26i1.6654

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

ISSN: 2236-6377

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000