A concepção observativa-interpretativa de Norwood Hanson, o relativismo de Paul Feyerabend e as imagens: projeções à formação docente e científica

Letícia Jorge, Luiz O.Q. PEDUZZI

Resumo


A proposta do presente artigo envolve explorar o potencial de imagens a partir de uma abordagem epistemológica, centrada em Norwood Hanson e Paul Feyerabend, com o objetivo de proporcionar um meio pelo qual professores e bacharéis de física em formação possam (re)pensar sobre os múltiplos processos que se fazem presentes em suas práticas; sejam elas pedagógicas ou científicas. Com este tipo de reflexão busca-se mostrar, nesse caso em específico, que é possível e viável se valer de outras abordagens didático-pedagógicas, bem como científicas, para se desenvolver um pensamento mais flexível e inventivo.

Palavras-chave


Relativismo Feyerabendiano; Observação e interpretação Hansoniana; Formação docente por meio de imagens

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/recc.v27i2.8023

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

ISSN: 2236-6377

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000