Análise da influência do clima organizacional na satisfação discente: o caso de uma instituição de ensino superior no Rio de Janeiro

Gilson Brito Alves Lima, Osvaldo Luiz Gonçalves Quelhas, Julio Vieira Neto, Annibal Parracho Sant'Anna, Marcia de Freitas Siqueira Sadok Menna Barreto, Sávio Luís Oliveira da Silva

Resumo


Diante das exigências do Ministério de Educação do Brasil, as instituições de ensino superior necessitam de processos de autoavaliação institucional bem definidos. As pesquisas de Clima Organizacional enquadram-se neste escopo de avaliações, pois são capazes de fornecer diagnósticos importantes para a gestão estratégica das instituições. Funcionários administrativos e docentes satisfeitos estarão mais aptos a oferecer qualidade, impactando positivamente a satisfação dos clientes. Sendo assim, este estudo tem como objetivo analisar os resultados de pesquisa de Clima Organizacional realizada em uma instituição de ensino superior no estado do Rio de Janeiro, e comparar com pesquisa de satisfação discente realizada na mesma Instituição. Para tanto, realizou-se uma análise secundária de dados, baseada nas pesquisas de Clima Organizacional e satisfação discente realizadas por empresas terceirizadas pela instituição. Constatou-se que o alto nível de satisfação discente condiz com bom clima organizacional da Instituição, especialmente com a satisfação do corpo docente e da gestão acadêmica.


Palavras-chave


Educação superior. Avaliação institucional. Clima organizacional.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/rcd.v11i23.5284

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


PORTAIS & INDEXADORES:

Academic IndexAcademic IndexAcademic Index