Pensando a noção de clínica em Psicologia no Brasil: clínica, clínico, terapêutico e terapêutica

Daniel Dall'Igna Ecker

Resumo


Este ensaio teórico tem como objetivo pensar a noção de clínica em Psicologia no Brasil. Fundamentado na análise de documentos que orientam e regulamentam a prática profissional no país, articulado com autores e autoras que discorrem sobre o tema, propõe mapear alguns dos discursos que envolvem a noção de clínica em Psicologia – definições, regulamentações, diretrizes, conceitos e sentidos. Por meio de uma análise de base Pós-estruturalista, de inspiração foucaultiana, discorre sobre alguns dos discursos que sustentam a noção de clínica utilizando três pontos de análise: 1) Psicologia e a noção de clínica; 2) Regulamentações e diretrizes brasileiras; 3) Clínica, clínico, terapêutico e terapêutica.

Palavras-chave


Psicologia. Clínica. Psicoterapia. Discursos. Psicologia Clínica.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/rcd.v13i29.7184

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


PORTAIS & INDEXADORES:

Academic IndexAcademic IndexAcademic Index