A interferência de um programa de liderança para mulheres e gestão da diversidade de gênero: o caso de uma empresa do ramo financeiro

Gisele Gomes, Jacinta Sidegum Renner

Resumo


Este artigo aborda a gestão da diversidade de gênero nas organizações e o objetivo esteve centrado em analisar, a partir da percepção dos gestores de uma empresa do setor financeiro, a interferência de um programa de liderança para mulheres na gestão da diversidade de gênero na organização. A pesquisa se caracteriza como aplicada, de caráter descritivo, com análise e discussão de dados sob o paradigma qualitativo. Os instrumentos consistiram em uma entrevista semiestruturada e observação participante. O grupo de participantes foi composto por oito pessoas com cargos de alta liderança da empresa. Os resultados das narrativas dos participantes indicaram a criação de duas categorias: a) diversidade de gênero na gestão da empresa – conselhos de administração; e b) diversidade e inclusão para além do programa de liderança para mulheres. Verificou-se que a direção da empresa em questão teve ingerência na inclusão e intencionalidade de trazer mulheres para os Conselhos de administração em todas as unidades da empresa uma vez que estas encontram-se em menor número que os homens. Ficou evidente que o debate acerca do programa de liderança para mulheres trouxe à baila a possibilidade de abordar a propositiva da diversidade e da inclusão em um escopo mais abrangente.

Palavras-chave


Conselho de administração. Diversidade de gênero. Programa de Liderança para Mulheres.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/rcd.v14i33.9596

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


PORTAIS & INDEXADORES:

Academic IndexAcademic IndexAcademic Index