A Gazeta Infantil e a busca pela constituição do ideário de criança na República (1929-1930)

Gizeli Fermino Coelho, Raquel dos Santos Quadros, Taís Renata Maziero Giraldelli, Maria Cristina Gomes Machado

Resumo


O presente artigo tem como objetivo analisar o modo como o Suplemento A Gazeta Infantil, que circulava no jornal A Gazeta, propagava as ideias vinculadas à questão da constituição da criança na República, tendo em vista a construção da cidadania, em um momento singular que trata da transição do Governo de Washington Luís para o Governo de Getúlio Vargas. Trata-se de uma pesquisa documental e bibliográfica, que tem como fonte de pesquisa os textos publicados pelo Suplemento A Gazeta Infantil entre os anos de 1929 e 1930. A imagem da criança que se divulgava neste momento, estava intimamente associada à nova nação que se almejava construir, isto significava trabalhar a infância, modelar o futuro cidadão, para mudar os rumos do país. Diante deste cenário é possível verificar temas como: a ordem; a questão higienista; saúde; bons modos; respeito ao próximo e aos animais e a ênfase na constituição de um novo homem: o trabalhador patriota. A Gazeta Infantil se mostrou como um manual didático complementar com instruções claras e divertidas, que buscava auxiliar os pais na educação de seus filhos. Neste espaço, eram publicados textos ilustrados, em forma de charge e quadrinhos revelando histórias de personagens importantes no cenário nacional e mundial, com instruções educativas claras e objetivas que tinham como finalidade formar um novo cidadão, o indivíduo nacional, o trabalhador da República.


Palavras-chave


Educação; Criança; Imprensa; A Gazeta Infantil.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/recc.v23i1.4040

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

ISSN: 2236-6377

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000