A PEDAGOGIA DA PERGUNTA E A FLUIDEZ CURRICULAR: OS OPERADORES DA EDUCAÇÃO 3.0

Fernando Degrandis, Débora Conforto, Diego Ismael Lamb

Resumo


A Pedagogia da Pergunta é um elemento essencial na nova proposta curricular do Brasil Marista. Essa interface pedagógica conquista destaque, pois a problematização articula saberes, valores e atitudes dos estudantes como alternativa à superação da educação 'bancária'. A educação que parte da pergunta desafia os estudantes a construírem respostas e argumentos e não, simplesmente, reproduzir algo pronto. No presente texto, discute-se a relação com a prática e a vivência de professores e estudantes de uma escola de educação básica, em Porto Alegre, apresentando os conceitos, as estratégias de implementação e as implicações da centralidade da problematização na efetivação de um novo currículo. O conhecimento teórico e mesmo vivencial dessa proposta por parte dos educadores torna a formação continuada essencial sua concretização. O relato apresentado ratifica que a cultura da pesquisa e a construção do conhecimento são estratégias metodológicas essenciais para concretizar na Educação Básica uma prática da Educação 3.0. 


Palavras-chave


Educação 3.0; Problematização; Pesquisa; Currículo

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, Ana Cristina dos Santos. et.al. Avaliação por habilidades e competências. Caderno Marista de Educação, Porto Alegre, v.9, p. 25-39, 2015. Edição Especial.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 59 ed. rev e atual. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2015.

FREIRE, Freire e FAUNDEZ, Antônio. Por uma pedagogia da pergunta. 3 ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1985.

GIL, A.C. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo: Atlas. 2008.

LUDKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em Educação: Abordagens Qualitativas. São Paulo: EPU. 2013.

MACEDO, Lino de. Competências e habilidades: elementos para uma reflexão pedagógica. In: INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA. Exame Nacional do Ensino Médio (Enem): fundamentação teórico-metodológica / Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Brasília: O Instituto, 2005.

MORAES, R. (2003) Uma tempestade de luz: a compreensão possibilitada pela análise textual discursiva. Ciência Educação, Bauru, SP, v. 9, n. 2, p. 191-210.

PERRENOUD, Philippe. Construir as competências desde a escola. Tradução de Bruno Charles Magne. Porto Alegre: Artmed, 1999.

UNIÃO MARISTA DO BRASIL. Projeto Educativo do Brasil Marista: nosso jeito de conceber a educação básica. Brasília: UMBRASIL, 2010.

____________. Tessituras do currículo Marista: matrizes curriculares de educação básica: área de ciências humanas e suas tecnologias. Brasília: UMBRASIL, 2014.

____________. Ensino Médio Marista: problematizações e perspectivas em tempos de mudança. Brasília: UMBRASIL, 2015.




DOI: http://dx.doi.org/10.18316/recc.v24i2.4407

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

ISSN: 2236-6377

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000