A ESCRITA COMO REFLEXÃO E INOVAÇÃO DA PRÁTICA NA DOCENCIA UNIVERSITÁRIA: CONTRIBUIÇÕES DA PESQUISA AÇÃO-COLABORATIVA

Fabrício Oliveira da Silva, Marinalva Lopes Ribeiro, Rosária da Paixão Trindade

Resumo


O pressente trabalho é resultado das experiências formativas logradas na pesquisa ação-colaborativa para a reflexão da prática docente de professores da Universidade Estadual de Feira de Santana. Reflete-se como os docentes participantes da pesquisa produzem reflexões sobre si e sobre seus modos de fazerem a docência acontecer, num movimento cíclico que demanda ação-reflexão-ação, em que as práticas pedagógicas são ressignificadas pela análise que os professores fazem delas. O objetivo é analisar a contribuição da pesquisa ação-colaborativa, trazendo para o debate os modos de aprendizagem no que tange ao desenvolvimento da produção escrita e reflexiva. O estudo se situa na abordagem qualitativa, por ancorar-se na perspectiva dialógica em que o sujeito produz sentidos sobre sua prática educativa na universidade na interação com o outro. Como dispositivo de recolha de dados, utilizamos as narrativas produzidas em contextos de reuniões do grupo, bem como os relatos e escritos dos professores produzidos no âmbito da pesquisa ação-colaborativa para apresentação no Seminário Pedagogia do Ensino Superior: Partilha de práticas inovadoras. O trabalho, dentre outras coisas, revelou as vivências mobilizaram os participantes a deslocarem-se paradigmaticamente no contexto das reflexões sobre a seu fazer na universidade, fato que desencadeou produção escrita sobre as práticas. Evidenciou-se, ainda, que os estudos sobre a aprendizagem e sobre a motivação para produzi-la constituíram elementos balizadores para a produção acadêmica dos docentes, gerando a reflexão sobre novas estratégias de ensino e aprendizagem que passam a figurar no cotidiano da atividade dos docentes.


Palavras-chave


Pesquisa ação-colaborativa; Produção escrita; Reflexão; Docência universitária.

Texto completo:

PDF

Referências


ALARCÃO, Isabel (Coord.). Formação reflexiva de professores: estratégias de supervisão. Porto: Porto Editora, 2005.

ANASTASIOU,L.G.C. Metodologia do Ensino Superior: da prática docente a uma possível teoria pedagógica. IBPEX, Curitiba, 1998.

ANASTASIOU, L. G. C. Profissionalização continuada do docente da educação superior: desafios e possibilidades. Olhar de Professor, Ponta Grossa, PR, v. 8, n. 1, p. 9-22, 2005.

ANASTASIOU, L. G. C.; ALVES, L. P. (Org.). Processos de ensinagem na universidade: pressupostos para as estratégias de trabalho em aula. 5. ed. Joinville, SC: UNIVILLE, 2005.

ASSIS, Juliana Alves. O agir do professor em formação nas práticas de correção de textos: pistas do processo de construção identitária. Estudos Linguísticos/Linguistic Studies, Lisboa,n. 3, edições Colibri/CLUNL: Lisboa, 2009

COLE, A. L. Researcher and teacher: Partners in theory building. Journal of Education for Teaching, n.15, v. 3, p. 225-237, 1989.

COLE, A. L.; KNOWLES, J. G. Teacher development partnership research: a focus on methods and issues. American Educational Research Journal, n. 30, v. 3, p. 473-495, 1993.

CUNHA, Maria Isabel da; LUCARELLI, Elisa. Inovações na sala de aula universitária e saberes docentes: experiências de investigação e formação que aproximam Argentina e Brasil. In: Primer Congreso Nacional de Estudios Comparados en Educación, 2005, Buenos Aires. Anais: Primer Congreso Nacional de Estudios Comparados en Educación. Disponível em http://www.saece.org.ar/docs/congreso1/Lucarelli_por.doc. Acesso em: 31 jul. 2018.

FARIAS, Isabel Maria Sabino de. Inovação, mudança e cultura docente. Brasília: Liber Livro, 2006.

GIDDENS, Anthony. La constitution de la société. Paris: Presses Universitaires de France, 1987.

RIBEIRO, Marinalva Lopes.; MUSSI, Amali de Almeida. Inovação da prática pedagógica de professores do ensino universitário pela pesquisa-ação colaborativa. UEFS, Resolução CONSEPE 011/2015.

SCHON, D. Educando o Profissional Reflexivo: um novo design para o ensino e aprendizagem. Trad. Roberto Cataldo Costa. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 2000.

SCHON, D. Formar Professores como Profissionais Reflexivos. In: Nóvoa, A. (Org.), Os professores e a sua formação. Lisboa: Publicações D. Quixote, 1997.

TRIPP, David. Pesquisa-ação: uma introdução metodológica. In: Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 31, n. 3, p. 443-466, set./dez. 2005.

ZANCHET, Beatriz Maria B. A.; CUNHA, Maria Isabel. Políticas da educação superior e inovações educativas na sala de aula universitária. In: CUNHA, Maria Isabel (Org.). Reflexões e práticas em pedagogia universitária. Campinas, SP: Papirus, 2007




DOI: http://dx.doi.org/10.18316/recc.v24i2.5095

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

ISSN: 2236-6377

UNILASALLE - Av. Victor Barreto, 2288 Centro Canoas/RS Cep: 92.010-000