Caracterização da divulgação científica em textos sobre evolução da Revista Superinteressante

Manuella Sampaio Martins, Carlos Bruno Cabral Oliveira, Mariana Guelero do Valle

Resumo


Este trabalho objetivou analisar os textos da revista de Divulgação Científica Superinteressante relacionados ao conteúdo de Evolução. Utilizou-se uma abordagem qualitativa, sendo esta uma pesquisa documental. Foi realizada a Análise de Conteúdo, com a definição de oito indicadores e duas categorias. Identificou-se que o material analisado dispõe conteúdos de Evolução de forma biológica e não biológica. A partir das análises, verificou-se casos em que a Evolução Biológica estava ligada a erros conceituais, finalismos e aspectos inorgânicos, o que pode comprometer a compreensão do conteúdo evolutivo. A caracterização do discurso da Divulgação Científica auxiliou na compreensão mais ampla do material e das informações que são direcionadas ao público leigo leitor da revista Superinteressante, entre eles, recursos visuais e textuais. Pode-se perceber que a Divulgação Científica é constituída por várias particularidades e o divulgador poderá optar por diferentes estratégias para conseguir atingir o público leigo ao qual a revista se destina. Essas estratégias, sejam textuais ou imagéticas, são fundamentais nos textos de Divulgação Científica, uma vez que, caso presentes, podem aproximar o leitor ao conhecimento científico e, neste caso, à Evolução Biológica. Destaca-se ser de fundamental importância que os textos de DC possuam informações claras e que possam contribuir com uma correta divulgação do conteúdo de Evolução Biológica entre outros conceitos científicos.


Palavras-chave


Biologia evolutiva. Discurso. Popularização da Ciência.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18316/rcd.v12i28.7677

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


PORTAIS & INDEXADORES:

Academic IndexAcademic IndexAcademic Index